quinta-feira, fevereiro 04, 2016

HOJE....SOMENTE HOJE


Hoje...

Vou aprender com o passado e dar um passo em frente,
vou atirar ao mar o que me pesa e cortar o mal de forma permanente.

Hoje...

Vou perdoar um amor perdido e amarfanhado,
vou arrumar de novo a casa e tirar o pó entranhado.

Hoje...

Vou olhar a estrada logo abaixo dos meus pés
e o horizonte que fique em sonhos embalados de marés.

Hoje...

Hoje vou enterrar a dor, a mágoa, a injustiça e o orgulho,
vou pegar nos restos de uma vida e refazer este "embrulho"
que me foi deixado como herança, como penhor de um passado.
Hoje vou dizer que já chega, bater o pé e enterrar TUDO bem enterrado.

Hoje.... Hoje.... Hoje vou chorar sobre um leito de rosas desfolhadas.



SEM AMARRAS ... SEM CHÃO...

Quando as amarras que nos predem ao chão, nada mais são que laças cordas sem vida, nós esgotados, rasgadas velas, farrapos em ferida. ...