domingo, julho 15, 2007

ESTOU AQUI....

Estou aqui...

Calada, guardada no silêncio imenso
de mais esta noite, da distancia
que marca, como fumo de incenso
que se eleva na breve instância
de um olhar.
Conjugando o verbo amar
nas horas mortas da noite,
no desfiar da memória,
nos lençois onde pernoite
o sonho, repouse a glória
de um amor,
de um beijo e do calor
dos corpos em união,
dos beijos trocados,
ansiados, ousados, em profusão,
dos lábios molhados,
dos olhos perdidos
na calada da noite feita silêncio imenso




1 comentário:

Phantom of the Opera disse...

Fiquei rendido perante a beleza das tuas palavras.

Ouvi o sussurro e vim ao teu encontro,despeço-me com a beleza do teu olhar.
Permite que a minha luz te ilumine durante esta breve ausência

Beijo Nocturno

SILÊNCIO ENSURDECEDOR

Por entre as palavras mordidas e os silêncios demorados, decorrem os dias. Escorrem as horas e passam os anos. Moldam-se a...