segunda-feira, maio 09, 2011

VERDADEIRO / FALSO

Verdade ou mentira?

O que é uma e outra, viagens entre o cá e o lá,


sonhos e fantasias que se querem reais e não são,


desejos que se ancoram ao coração vazio que dá



passos sem rumo, olha entre a bruma sempre em vão.

Verdade ou mentira?


Viver de mentiras ou arrastar as verdades pela vida.


Colorir o incolorivel, desejar o impossível,


abrir as mãos ao vazio da espera sempre dividida,


e acreditar que um dia, quem sabe, algo será mesmo possível.


Verdade ou mentira?


Mentira ou verdade?


Viver com ambas e perder-me na ambiguidade,


o que é mentira final? Onde está a verdade?


No escuro corredor apertado da moralidade,


no valor mais alto de quem julga a realidade?


Mas o que é a verdade, a mentira, a realidade,


a moralidade? O que é este grilhão a meus pés?


O que fiz dos meus caminhos de ansiedade,


que traços deixei na minha tela e o que fez


de mim o que sou?


Verdade ou mentira?


Ambas fazem parte da vida...


Respostas a um simples teste; V/F

2 comentários:

Juℓi Ribeiro disse...

Adorei...
Beijo do outro lado do oceano.

rita disse...

todos temos mentiras e segredos só nossos, mas para mim é mesmo melhor não alimentar as mentiras, senão nós próprios acreditamos nelas e perdemos a capacidade de as distinguir das verdades e só nos enganamos a nós próprios.
De que é que serve viver na mentira?? É uma (des)ilusão...

SEM AMARRAS ... SEM CHÃO...

Quando as amarras que nos predem ao chão, nada mais são que laças cordas sem vida, nós esgotados, rasgadas velas, farrapos em ferida. ...