quinta-feira, agosto 29, 2013

É A HORA!


É hora de recolher as velas e deixar o barqueiro descansar,
é hora de esquecer a maré deixando o barco bolinar.
É hora de fechar os olhos, negros gastos de tanto procurar.
É hora de permitir ao corpo simplesmente relaxar.
É hora de chamar os deuses que imperam no grande mar
e com eles orquestrar uma nova sinfonia.
É hora de calar fundo toda esta horrenda agonia
em que mergulho de cabeça, sem sequer poder pensar.
É hora de querer e não querer, hora do sim ou do não,
é hora de ser o que sou, apenas e só mulher.
É hora de arrancar esta pele, e esta máscara se puder,
é hora de arrumar todo o medo, de pedir e dar perdão.
É hora de beber o cálice, seja de fel ou de absinto,
seja do mais puro e doce néctar ou seja de suavíssimo mel.
É hora, minha vida, é hora! é hora de percorrer cada aurora,
alcançar cada poente, dançar louca pela estrada fora
despojada de preconceitos, de normas e leis de papel.
É hora de abrir todas as portas dar largas ao que sinto.
 
 
É hora de recolher as velas e deixar a noite flutuar…..

5 comentários:

Flor de Jasmim disse...

É hora simplesmente!
Abraço-te querida sente-o.

beijino e uma flor

Nequéren Reis disse...

Olá!!!, Deus te abençoe,amiga amei o seu blog é ótimo sucesso, já estou te seguindo, Aguardando Retribuição.
Canal Youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis
Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

http://odeclinardosonhos.blogspot.com disse...

E quando ela chega não há como a retardar...
Um beijo amiga!
anacosta

Nilson Barcelli disse...

Há horas assim.
Gostei imenso das tuas palavras.
Querida amiga, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Quando essa hora chegar e um raio de sol tocar o teu corpo, deixa simplesmente acontecer e viver cada segundo com intensidade.

Um beijinho com carinho
Sonhadora