domingo, setembro 09, 2007

ESPONJA


Passo por estes dias como uma esponja.


Absorvo o mundo, a natureza, saturo-me do bem e do mal, impregno-me do amor e do ódio, da dúvida e da certeza. Incho, cresço de desespero, de alegria, de infinito e absoluto, de medo e coragem, da noite e do dia, da luz e das trevas. Mas como simples esponja que sou basta uma máscula mão me espremer e tudo escorre por um qualquer cano de esgoto….
Fico a secar num qualquer canto da vida, e aí é o vento que me percorre, o sol que me seca a pele, fico vazia, oca, nada me preenche, mudei a cor, a textura o préstimo, encolhi, fiquei uma pequena bolinha encolhida e desmaiada.
Passo por estes dias como uma esponja, apenas e só uma simples….Esponja

5 comentários:

lu@r disse...

Apagar as mágoas é uma constante de quem ama e vive.
Tu mulher, como ser maravilhoso que és nos teus olhos se reflecte o amor que tens para dar.

Beijo profundo

Gui disse...

O nosso dia a dia está repleto de contradições. O bem e o mal, a dúvida e a certeza, o desespero e a alegria, etc. Por vezes não somos capazes de nos entendermos a nós próprios, mas o que nunca poderemos nunca ser é uma só e simples esponja. Já tinha saudades, minha doce amiga, dos teus posts maravilhosos que são o reflexo da alma e ser humano maravilhoso que tu és. Um beijo muito grande minha amiga.

Gui disse...

O nosso dia a dia está repleto de contradições. O bem e o mal, a dúvida e a certeza, o desespero e a alegria, etc. Por vezes não somos capazes de nos entendermos a nós próprios, mas o que nunca poderemos nunca ser é uma só e simples esponja. Já tinha saudades, minha doce amiga, dos teus posts maravilhosos que são o reflexo da alma e ser humano maravilhoso que tu és. Um beijo muito grande minha amiga.

O Profeta disse...

Na quietude da manhã
Vi nascer um novo dia
Quebra-se o encanto da noite
Tenho o silêncio por companhia…

Boa semana


Uma nota de encanto em teu rosto

igara disse...

Luar, vamos lá ver se arranjo as palavras certas para te comentar!
Absorver o mundo, as dualidades, procurar saber das nossas duvidas, confirmar as nossas certezas...na verdade tudo o que somos...se torna mais intenso pelas nossas fragilidades. Mas, secar? passar pela vida? Nunca e não tu! És intensa, sensível, presente...jamais alguém assim passa pela vida. Tu, minha querida, Vives...e imprimes marcas...e cada marca tua é semente que germina nos corações de quem te quer bem!
Eu quero-te muito bem, não deixaria nunca que uma mão te espremesse ao ponto de te fazer secar!
Ahhhhhh e sei que vou parecer lamechas, mas não quero nem saber! Gosto mesmo de ti asssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssiiiiiimmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm!!! Beijos beijos, senão não tarda estou a cantar "tenho uma lágrima no canto do olho"...