domingo, outubro 21, 2007

PASSOS


Passo a passo, devagar abro o caminho

abro a porta de mansinho,

deixo que um ténue raio de luz penetre

na escura e fria alma, dorida e inerte.

Passo a passo, temerosa, quero acreditar,

quero sentir, poder ter, poder sonhar,

poder recomeçar, somente voltar a vibrar.

Passo a passo, incerta, inicio a viagem,

arrisco voar na mansa aragem

que me pega e lança de novo no ar,

solta, insegura sem saber como não afundar.

No espaço imenso vogo ainda sem rumo,

sem espaço ou realidade, feita apenas fumo

que ao céu se eleva e nele se perde....

Passo a passo, passo a passo, unicamente

passo a passo....Eternamente.

3 comentários:

Lu@r disse...

Um olhar e um toque vale mais que mil palavras...

Caminha querida amiga em direcção à luz.

Adoro o que escreves
Beijo-te suavemente

Fátima disse...

Ola!!
Gostava de encontar a força necessaria pra seguir passo a passo, quando chegamos a uma altura da nossa vida em que nos parece que os caminhos nao se encontram bem defenidos.
Um abraço que possa seguir esses passos sempre com a mesma firmeza!!!!

Obscuridade Translúcida disse...

A vida tem muitos passos e estes são dos mais bem escritos que li nos ultimos tempos...

Muiti, muito bom... Parabéns...