quarta-feira, abril 11, 2007

MAGIA NA NOITE


Na magia desta noite escura

em que o medo se tornou bravura,

em que as estrelas dançaram

e os amantes se amaram,

em que o teu corpo no meu

tomou posse e também se deu,

nesta noite, amor maior,

o mundo parou para nos ver,

nos ouvir, sentir e em redor

tudo se calou. Nos teus braços a tremer

o meu corpo de mulher se deitou,

e desnudado se te entregou.

Até a distante lua se escondeu,

o seu brilho esmaeçeu

ante um amor tão profundo;

O nosso, amor, este pequeno mundo

que a magia desta noite escura

leva às raias da loucura.


1 comentário:

Vlad disse...

Se a magia existe, é certamente no amor que se materializa... e podemos vê-la através de poemas como este ;)
Bjnhs